Pular para o conteúdo principal

Estrada Real - 6 a 8 de Julho - Parte 3 (Última e a mais legal rsrs)

Sei que já vai fazer mais de três semanas que rodamos pela Estrada Real, o assunto começa a ficar até repetitivo... mas preciso concluir as postagens e os relatos, afinal, antes tarde do que nunca né \o/ e o atraso tem sido por bons motivos: Muito trabalho e muitos passeios :-) Estou perdoada? rsrs

Bem, como deu para perceber, ficamos muito atrasados na viagem e não iríamos conseguir percorrer o Caminho Velho inteiro em tão pouco tempo, as situações e os perrengues fugiram do nosso controle, portanto conseguimos ir apenas até São João Del Rei MG.

É engraçado, esse terceiro e último dia foi bem puxado, desafiador também, mas foi o que mais gostei. Como estou com a Lander a apenas 2 meses, ainda não tenho coragem ou não consigo rodar em algumas situações, como a de subir algumas partes da trilha no primeiro dia, onde tive que pedir ajuda =/ . Só que no terceiro dia já tínhamos passado por tanta coisa que, mesmo no meu ritmo (e preciso pedir desculpa ao Osama se fui um pouco mais devagar do que ele esperava...) superei os obstáculos, atravessei riachos pela primeira vez, poço de lama, mais areião, muuuuita pedra, trilha, fazendas e muito mais, e agora, mesmo escrevendo depois de tantos dias, da aquele sentimento gostoso de superação diante de um desafio, e principalmente a vontade enorme de ir de novo e dessa vez cumprir a meta, mesmo sabendo que diante dos areiões vou sentir medo novamente rsrsrs.

Enfim, saímos de Carrancas determinados a não correr tanto, finalmente iríamos tentar aproveitar o caminho e curtir a viagem. Até procuramos umas cachoeiras... mas eram todas privadas, uma pena =/ mas encontramos um mirante que já fez o esforço valer a pena. Certeza que muita coisa estava por vir ...




Não vou colocar muitas fotos aqui no post pq no vídeo tem bastante imagem, beleza? o/

O caminho entre Carrancas e a Capela do Saco é bem desafiador, muita pedra solta, e em alguns casos a própria pedra é a estrada. O visual é incrível!!!



Uma outra coisa que chamou a atenção foi uma areia branca que tinha em algumas partes, parecia que estávamos na praia.... mas estávamos lá, no meio do nada...a natureza é fantástica!!!

Outro atrativo na Capela do Saco é precisar usar a balsa para atravessar pra Caquende, só pra ter mais emoção \o/



Olha o registro \o/ Passamos por lá \o/



Aqui é Highlander rapá!!!! rsrs


Entre Caquende e São Sebastião da Vitória, o caminho é bom, estrada boa, nada de surpresas.


A emoção voltou entre São Sebastião da Vitória e São João Del Rei, aí sim, só para os fortes \o/. Logo no começo há uma indicação que faríamos uma trilha, atravessamos algumas fazendas... foi tranquilo... já tínhamos passado por coisas piores rsrsrs. O caminho é bem bacana, mas a frente foi dando um pouquinho mais de trabalho, atravessamos dois riachos, um poço de lama, e pedras, muitas pedras, mas a cada momento... a paisagem se tornava mais recompensadora, sinceramente, eu não tinha nenhuma vontade de estar em outro lugar !!!


Olha a cor da motoca rsrsrs essa é guerreira \o/ Doida igual a dona rsrsr


Mas infelizmente já próximo a São João Del Rei tivemos um inesperado Game Over =/ chegamos em uma parte que não dava mais pra subir, alguma ponte tinha sido destruída e fazia um vão muito grande, sem chance de passarmos, uma pena.
 


 Uma alternativa é voltar um pouco, até o caminho das pedras e depois da casinha branca pegar pra esquerda, vai sair numa pequena "empresa" chamada Sítio Bela Vista (se não me engano) ... pra quem faz o caminho inverso o bom é pedir pra deixarem entrar por aí também, é um lugar que vale a pena!!

Enfim, depois de 655 km, eis que finalmente chegamos em São joão Del Rei, um lugar que espero voltar em breve.


Em seguida já pegamos o rumo de São Paulo, no total: 1106 km de aventura e muito pó rsrs \o/ 


Essa viagem foi realmente uma aventura e as estradas ... desafiadoras!! ... principalmente para uma iniciante como eu, mas sabe de uma coisa? Quero voltar o quanto antes, é o desafio e a superação que nos mantém vivos, ter contato com paisagens tão lindas, lugares simples e aconchegantes, e numa estrada que tem tanta história e que foi tão importante no passado... é uma sensação única!! é Mágica!!

Fiquei com a sensação também de que é um privilégio não ser só mais uma no mundo... mas ser alguém com sensibilidade o suficiente pra desfrutar de tudo isso. Recomendado!!!

Segue o vídeo com as filmagens e mais imagens do terceiro dia, essas são pra ficar no coração.



Comentários

  1. Noellen, quando for fazer de novo, quem sabe consigo acompanhar \O/. Fiquei doida com as imagens! Bjão.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. rsrsrs é o máximo Tuca ;-)

      Pode deixar que na próxima aviso sim, será legal demais ter mais uma guerreira no bonde

      \o/

      Excluir
  2. E tenho um amigo que hoje tem uma falcon que vendeu sua fazer 250 e olha o sucesso que você esta fazendo com ela desbravando terras, matos, pedras e chão. Parabéns! JUNTOS E MISTURADOS NUNCA ENROLADOS.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

A primeira de muitas - Ponta Grossa, Curitiba e Antonina - 07 a 11 de Julho

Como diz Fernando Pessoa, "a vida é o que fazemos dela", e para viajantes, a fazemos muito mais bonita!

Assim foram os dias 07 a 11 de Julho, onde o Cassiano e eu percorremos as estradas de São Paulo e Paraná. Certa vez li que uma viagem vem para nos tornar conhecedores de si mesmos e sinceros nas atitudes, e essa viagem veio pra solidificar ainda mais nosso sentimento, proporcionar conhecer ainda mais um ao outro, sentir nossa alegria em estar junto e dar a certeza que desejamos muitos e muitos kms de alegria, as vezes cada um com sua moto...as vezes os dois em uma moto...de ônibus...a pé...não importa, o que vale é estarmos sempre cheios de expectativas e abertos para as novas experiências que estão surgindo.

Mas senta que lá vem história...

No dia 7 saí de Jundiaí e fui encontrá-lo em Capão Bonito, de lá seguimos pra Ponta Grossa, nosso primeiro destino. Nosso objetivo por lá era conhecer a Abadia da Ressurreição, um mosteiro muito bonito cujos monges belamente apresentam…

15/11 - O dia que as coisas não saíram como o planejado

"Se algo pode dar errado, dará!" 
Esta é a famosa lei de Murphy, e é impressionante como se contextualiza em viagens de moto. No nosso Giro não poderia ser diferente, e pra falar a verdade, ela veio a tona dia 15/11 , o dia em que NADA deveria ter dado errado.

Bem, saímos pela manhã do hotel Liporaca, em Rio Gallegos.


O Alfredo estava tbm quase pronto pra sair, mas como ele anda muito e estava com uma BMW fomos na frente, mas não demorou muito para que nos alcançasse.

Nos ajudou muito explicando como proceder na Aduana, pois neste trecho passamos pelo Chile, acredito que menos 300 kms, mas é necessário seguir os procedimentos de entrada e saída do país.

O dia já não começou muito bem quando pedi a caneta emprestada do atendente chileno. Ele emprestou e falou para devolver, ok, mas emprestei pra um dos colegas, que foi passando para outro, e para outro, e depois chegou um ônibus... todo mundo usando... quando fui ser atendida, qual a primeira coisa que o atendente pediu? A …

14/11 - De Caleta Olivia a Rio Gallegos

Amigos se reconhecem! Já escrevi esta frase aqui no blog dezenas de vezes, mas a cada dia tenho mais certeza que essas palavras são reais, vamos lá... que nosso objetivo está cada vez mais perto!!

A partir de Comodoro Rivadavia diminuiu um pouquinho (em alguns trechos) as retas intermináveis da Ruta 3 e pegamos trechos lindos beirando o mar.



E neste trecho realmente começamos a sentir o frio pra valer.
E olha aí... até o Tux já pegou a rota para Ushuaia rsrs

Num posto de gasolina conhecemos  o Alfredo Paz, um motociclista que mora em Ushuaia. Ele nos deu muitas dicas do caminho e inclusive recomendou o hotel que ficaria em Rio Gallegos, explicando certinho como chegar lá... bacana né \o/

Numa breve parada no meio do nada...


Desafiamos o vento rsrs e saímos perdendo rsrs

Nos posts anteriores mostramos como realmente o vento é forte, e se vc colocar a moto a favor do vento... ela cai rsrs e o Boni... sempre o Boni... quis tirar a prova kkkk, deu no que deu :-P

Felizmente não estrago…